segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Frase da Semana

" É preciso sofrer depois de ter sofrido, e amar, e mais amar, depois de ter amado."

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

A Vista

Conversando com um amigo, ele me falou algo que vou me lembrar sempre a partir de hoje.
"Não faço planos, o amor não é um crediário, deve ser pago a vista, com amor e a vista"
Colocação coerente, o Amor tem que ser descomplicado, para ser bem amado!
Não importa o tempo que dure, mas que seja inesquecível, incomparável e catalizador!
 

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Eu e A Felicidade

Viver, sempre vale a pena, desistir jamais, porque a Vida pode nos reservar gratas surpresas!
Se não acreditarmos que o amanhã pode ser melhor do que hoje, perdemos a fé que impulsiona adiante.
Mesmo nas situações mais difíceis nunca penso que não conseguirei superar,
resolver ou até mesmo me adaptar.
Ficar parado não adianta, porque milagres se existem, são raros.
Estar vivo é um privilégio! Agradeço sempre ( mesmo que mentalmente ) por mais um dia vivido,
por mais um objetivo alcançado, e até mesmo pelo que não ocorreu como eu esperava
( sempre existe uma lição a aprender).
Hoje estou especialmente feliz, muitas coisas boas acontecendo, e porque não escrever sobre isso?
Sinto a felicidade correr em meu corpo, sensação de plenitude, de paz interior!
A felicidade é algo subjetivo depende muito da expectativa de cada um.
Sim estou feliz, tenho  inúmeros motivos para tal, e quero deixar que esse sentimento
faça do meu ser a sua morada!
Moradia definitva, mesmo que em alguns dias ela ( a felicidade ) saia para passear,
desde que ela volte sem demora!
Pensar menos no amanhã e viver mais o presente, sei que assim deixarei a felicidade mais feliz !

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Reencontros

Certa feita li um texto que comparava a vida a uma viagem de trem, na qual compartilhamos por algum tempo a compainha de algumas pessoas, que vão descendo e subindo em estações diferentes.
É a mais pura verdade, essa viagem chamada vida nos aproxima, nos afasta e algumas vezes nos reaproxima de forma inesperada de pessoas queridas.
Nos últimos dois anos tive reencontros inesperados com pessoas queridas que não via, nem tinha contato há anos.
O primeiro dos reencontros ocorreu numa festa de formatura em 2007.
Na adoslescência eu frequentava um curso de inglês e tinha um grupo que andava sempre junto, inclusive em programação extra curso. Eramos cinco, e nos reuniamos para cantar e tocar juntos.
Construimos uma bela amizade, porém findo o curso cada um seguiu seu rumo e deixamos de "viajar no mesmo vagão". Ainda mantinha contato com dois amigos, daquela época alguns anos depois, mas o mais velho do grupo sumiu como num passe de mágica, nenhum  contato nem por telefone, nem cartas, nem nada.
Sempre me perguntava o que teria acontecido com meu amigo querido.
Eis que numa formatura  de direito no início de 2007, a caminho do toilete, dou de cara com meu amigo! Nem acreditei! Nos reconhecemos imediatamente, e paramos ali mesmo para colocar o papo em dia! E aja assunto!
Fiquei sabendo que ele estava morando em outro estado há 10 anos, e por isso a falta de notíicas.
O segundo reencontro se deu no shopping, também no ano de 2007.
Um outro amigo querido, que não via há pelo menos 9 anos, cruza meu caminho, dentre tantas pessoas, num sábado de shopping lotado!
Eu fiz o parto da filha mais nova dele ( que já estava com seis anos quando nos reencontramos). Também conversamos bastante sobre os rumos que a vida, de cada um, havia tomado.
Mais recentemente aconteceu o terceiro reencontro surpresa. Outro amigo que não via há anos, de repente aparece como num passe de mágica, me cumprimentando no msn! 
O mais interessante é perceber que mesmo sem contato, a amizade permaneceu intacta, cada um seguiu seu itinerário, e apesar das idas e vindas que a vida dá, tudo parece estar exatamente igual no quesito bem querer!
E o mais curioso de tudo, nós  vivenciamos uma situação comun : os quatro, eu e meus três amigos, nos casamos, tivemos filhos, e não tivemos sucesso em nossos casamentos.
Apenas um de nós se mantém casado, mas me parece ser o mais infeliz por não ter tido a coragem de mudar, de "chutar o balde".
De encontros, desencontros e reencontros a vida é feita e segue seu rumo!

domingo, 15 de novembro de 2009

Infinita Beleza


Frase da Semana

Algumas quedas servem para que levantemos mais felizes. 

(William Shakespeare)

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Construa Pontes / Destrua os Muros



Aproveitando a deixa pela comemoração pelos 20 anos da queda do muro de Berlim, resolvi fazer esse post para sugerir que tentemos, nas nossas vidas, construir pontes ao invés de muros.
Mas não estou me referindo a muros e pontes no sentido material, de concreto, e sim  comportamental, emocional mesmo.
Existem pessoas que se posicionam na vida de uma forma que afastam qualquer tipo de demonstração de afeto, bem querer, se isolando num mundo cheio de regras, e valores vãos.
Excesso de exigências, ideais impossíveis de se realizar, valorização do ter, são comportamentos que levam ao isolamento afetivo. Essas pessoas criam muros invisíveis e intransponíveis ao redor de si mesmas.
Por outro lado, existem aquelas pessoas, que conseguem ao longo da vida construir pontes, agregando novas amizades, cultivando as antigas, vivendo amores sem exigir a eternidade, e o mais importante de tudo, se doando sem pedir nada em troca!
Conseguir enxergar a felicidade nas pequenas conquistas, nos momentos, e sobretudo no ser.
Ser grato, ser humilde, ser receptivo!
Afinal as pontes libertam e os muros aprisionam, então vamos construir pontes e destruir os muros que nos afastam da tão almejada felicidade!

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Uma Pausa para Relaxar

Hoje o dia foi daqueles que a gente torçe para que termine logo!
Já no início, muita correria com trabalho, filho, trânsito.
No fim da tarde fui ajudar uma colega num parto cesariana, e ao chegar ao hospital por volta das 16h, percebi como estava fazendo um dia lindo, sol quente, céu azul.
Não resisti, deixei o carro no estacionamento do hospital e atravessei a rua disposta a usufruir um pouco daquela bela tarde de verão. Com o celular em punho fotografei a praia, as pedras, o céu.
Senti o calor do sol no meu rosto, ouvi o som de pássaros cantando misturado aos ruídos dos carros, buzinas e ao burburinho das pessoas  transitando apressadas.
Na calçada, algumas pessoas praticando corrida, outras caminhada; um casal de namorados pousava para fotos românticas tendo ao fundo o mar, o céu e o Farol da Barra como testemunhos da paixão que demonstravam.
Compartilho abaixo as belíssimas  fotos que consegui tirar, numa breve pausa para relaxar, antes de enfrentar um parto complicado!

 

terça-feira, 10 de novembro de 2009

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Porque Eu Sei Que é Amor

Anjo

Anjo

Acredita em anjo
Pois é, sou o seu
Soube que anda triste
Que sente falta de alguém
Que não quer amar ninguém.
Por isso estou aqui
Vim cuidar de você
Te proteger, te fazer sorrir
Te entender, te ouvir
E quando tiver cansada
Cantar pra você dormir.
Te colocar sobre as minhas asas
Te apresentar as estrelas do meu céu
Passar em Saturno e roubar o seu mais lindo anel.
Vou secar qualquer lágrima
Que ousar cair
Vou desviar todo mal do seu pensamento
Vou estar contigo a todo momento
Sem que você me veja
Vou fazer tudo que você deseja.
Mas, de repente você me beija
O coração dispara
E a consciência sente dor
E eu descubro que além de anjo
Eu posso ser seu amor.
Vou secar qualquer lágrima
Que ousar cair
Vou desviar todo mal do seu pensamento
Estar contigo a todo momento
Sem que você me veja
Farei tudo, tudo, tudo que deseja.
Mas, de repente você me beija
O coração dispara
E a consciência sente dor
E eu descubro que além de anjo
Eu posso ser seu amor.

Composição: Leonardo Reis e Saulo Fernandes

Aonde estará o meu anjo?  Rs

                                                    

domingo, 8 de novembro de 2009

Sol e Mar = Relaxar

Domingo de sol, aproveitei para relaxar na praia, como boa bahiana amo o mar!

sábado, 7 de novembro de 2009

Luiza


              Essa é Luiza, filha de um casal que considero mais do que meus pacientes, amigos!
             É gratificante saber que depositam confiança no meu trabalho,
e me escolheram para trazer ao mundo seus dois filhos!
 

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Paixão x Monotonia

Bem, o tema desse post deve ser um desafio na vida de todo casal, ao menos eu imagino que seja.
Como conduzir o relacionamento para que ele não sucumba à monotonia do cotidiano ? Como manter a chama acesa depois que a empolgação diminuir, e a novidade se transformar em rotina?
Não existe nada mais gostoso do que sentir um friozinho na barriga só em lembrar da pessoa pela qual estamos apaixonados, tudo fica mais colorido quando estamos enamorados!
No início existe empenho de ambas as partes, a novidade é sinônimo de entusiasmo, de dedicação.
Mas, e quando conseguimos concretizar a conquista, o que fazer para não deixar a chama se apagar?
Será que o excesso de intimidade colabora para a monotonia? A privacidade é essencial para a longevidade do relacionamento?
Creio que o segredo para se ter um relacionamento feliz é saber conciliar os interesses, é indispensável a cumplicidade, a amizade, e a disponibilidade para se dedicar ao outro.
Acomodação é mortal, danoso como um veneno que mata lentamente a plantinha ( porque considero o relacionamento amoroso como uma planta que precisa ser regada, cuidada com carinho e amor ).
Tem um texto que diz que se você conseguir cuidar de um animal de estimação ou de uma planta, estará pronto para viver com alguém, cuidar de um sentimento para que ele se fortaleça, e se perpetue.
Concordo plenamente com essa afirmação.
Viver a própria vida, sim! Transformar o outro no centro de sua vida, não!
Percebo que atualmente os relacionamentos são descartávies, as pessoas não querem "perder tempo" dialogando, conversando, tentando aparar as arestas. Tudo é rápido hoje em dia!
Junta-se rápido e separa-se mais rápido ainda!
Muitas vezes as pessos não podem dar aquilo que exigem do outro,
ou não querem dar, querem apenas receber.
Sair de um relacionamento para a maioria é desgastante, principalmente se não houver concenso.
Desgaste emocional, porque ao entrar num relacionamento existe investimento afetivo, ninguém entra num relacionamento achando que não vai dar certo.
As vezes me considero muito sonhadora, penso que o que almejo não existe na vida real.
Idealizo muito e termino me decepcionando.
Mas como posso deixar de sonhar? Um homem sem sonhos, não tem esperanças!
Sabe qual o meu maior temor? A solidão na velhice.
Sei que não lidarei bem caso isso aconteça comigo. Morro de medo de ser uma velha solitária!
Quando se é jovem, tudo é fácil, mas com  o tempo as coisas mudam.
Gosto de compartilhar, de fazer as coisas juntos, de ter com quem conversar!
Uma vez uma paciente me relatou que mesmo com 20 anos de casamento, ela e o marido ainda dormiam de mãos dadas e nunca iam para a cama brigados.
Que pessoas abençoadas! Acertaram na loteria!
Essa loteria é mais difícil de acertar do que qualquer um jogo de azar!

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Teatro dos Vampiros

Sempre precisei de um pouco de atenção
Acho que não sei quem sou só sei do que não gosto...
E nesses dias tão estranhos
Fica a poeira se escondendo pelos cantos

Esse é o nosso mundo
O que é demais nunca é o bastante
E a primeira vez é sempre a última chance
Ninguém vê onde chegamos
Os assassinos estão livres
Nós não estamos...

Vamos sair!
Mas não temos mais dinheiro
Os meus amigos todos estão procurando emprego...
Voltamos a viver como há dez anos atrás
E a cada hora que passa envelhecemos dez semanas...

Vamos lá, tudo bem!
Eu só quero me divertir
Esquecer dessa noite ter um lugar legal pra ir...
Já entregamos o alvo e a artilharia
Comparamos nossas vidas
E esperamos que um dia nossas vidas possam se encontrar...

Quando me vi tendo de viver comigo apenas e com o mundo
Você me veio como um sonho bom e me assustei
Não sou perfeito...
Eu não esqueço a riqueza que nós temos
Ninguém consegue perceber
E de pensar nisso tudo eu, homem feito tive medo
E não consegui dormir...


Legião Urbana
Composição: Renato Russo


Sou fã da Legião Urbana, acho que as letras do Renato Russo falam por mim muitas vezes.
Eu sempre precisei e ainda preciso de um pouco de atenção.
As vezes penso que não sei quem sou, mas sempre sei do que não gosto ( por exemplo falsidade, mentira,
banho frio...).
"O que é demais nunca é o bastante" - tenho a sensação de que o Ser Humano sempre quer algo a mais, sempre quer ser diferente do que é. A ambição é uma qualidade, se presente na medida certa, quando em excesso passa a ser um problema.
Querer melhorar, sempre! Ser eternamente insatisfeito, nunca!
Vejam que atual: "Os assassinos estão livres, nós não estamos" - estamos cada dia mais presos em nossas casas, acuados com a violência desenfreada.
Acho que hoje estou de TPM , só que essa sigla para mim não significa Tensão Pré Menstrual, e sim "Tou Precisando Mudar".
Acho que preciso mudar algumas expectativas de vida, para não me sentir frustrada caso elas não aconteçam.
É assim que deve ser, então assim será!